Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Grupo de Trabalho coordenado pelo MDIC debate Estratégia para a Indústria 4.0

Integrantes discutiram como as experiências da indústria 4.0 na Alemanha e nos EUA podem servir de modelo para o Brasil

Brasília (1º de setembro) – O Grupo de Trabalho da Indústria 4.0 (GTI 4.0) realizou reunião nesta sexta-feira, na sede Fiesp, para prosseguir com as discussões sobre a Estratégia Nacional para a Indústria 4.0.  Os integrantes do grupo debateram práticas de indústrias 4.0 na Alemanha e nos Estados Unidos e como estas experiências podem ser úteis na formulação da política brasileira.

O debate foi precedido pela palestra “Inovação, Indústria 4.0 e o Futuro da Indústria”, de Eduardo Zancul, professor da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (USP), que atua no Departamento de Engenharia de Produção. O professor explicou aos integrantes do GTI 4.0 como Alemanha e Estados Unidos estão implementando a indústria 4.0 e afirmou que programas de manufatura avançada ocupam espaço prioritário nas políticas governamentais destes países.  

Instalado em 26 de julho, o GTI 4.0 tem como atribuição propor uma Estratégia Nacional para a Indústria 4.0, buscando sua correlação com outras ações governamentais em curso que impactam a indústria nacional.  

O ministro substituto do da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Jorge de Lima, destacou que as reuniões do GTI 4.0 são a oportunidade de contribuir para a elaboração de propostas de políticas públicas que serão fundamentais para a transformação da indústria.  

"A indústria 4.0 incorpora novas tecnologias à indústria tradicional, conectando nossos parques fabris às nuvens, a sistemas sensoriais virtuais-físicos, entre outros. A transformação digital é um desafio e uma oportunidade para a indústria brasileira, porque o investimento em tecnologia, certamente, implicará avanços na competitividade da nossa indústria", completou.

O GTI 4.0 é coordenado pelo gabinete do MDIC e conta com a participação dos ministérios da Educação; Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações; Fazenda; Trabalho e Secretaria Especial de Assuntos Estratégicos, entre outros. Também integram o grupo o BNDES, a FINEP, a EMBRAPII, o CNPq e a CAPES. O setor privado está representado por diversas associações e entidades de classe. A academia integra o debate com Instituições de Ensino e Pesquisa que desenvolvam atividades relacionadas à Indústria 4.0.

Assessoria de Comunicação Social do MDIC 
(61) 2027-7190 e 2027-7198 
imprensa@mdic.gov.br 
  
Redes Sociais: 
www.twitter.com/mdicgov 
www.facebook.com/mdic.gov 
www.youtube.com/user/MdicGovBr 
www.flickr.com/photos/mdicimprensa 
http://pt.slideshare.net/mdicgovbr 
https://soundcloud.com/mdic

registrado em:
Fim do conteúdo da página