Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Informações sobre o PNCE

O Plano Nacional da Cultura Exporta­dora (PNCE) tem o objetivo de aumentar o número de empresas que operam no comércio exterior, além de promover o crescimento das ex­portações de produtos e serviços, com ênfase em bens manufaturados, com maior fator agregado. A meta do MDIC é instalar comitês gestores do PNCE em todos os estados brasileiros até o fim de 2016.

O PNCE é desenvolvido em cinco etapas – sensibilização, inteligência comercial, adequação de produtos e processos, promoção comercial e comercialização – que constituem a trilha da internacionalização, ou o caminho para uma empresa exportar. O programa conta com três te­mas transversais para o direcionamento das empresas: financiamento, qualificação e gestão.

Ação regional

O programa conta com vários apoiadores nos âmbitos regional e nacio­nal e as parcerias são construídas de forma customizada para atender às reais necessidades de cada um dos Estados.

No geral, os comitês gestores estaduais, que acompanham o desempenho das ações, são compostos com a participação de representantes dos ministérios das Relações Exteriores (MRE); da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA); e da Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI); do Governo do Estado; das federações das indústrias; do Sebrae; da Apex-Brasil; da ABDI; dos Correios; do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal.

Esses parceiros, sob a coordenação do MDIC, organizam uma agenda de ações de capacitação para as empresas, como a realização de um diagnóstico de produtos e serviços com potencial exportador, consul­toria de inteligência comercial (que avalia em quais mercados aquele produto ou serviço tem potencial de venda), incentivo à participação em missões comerciais e em rodadas de negócios com compradores estrangeiros.

 

trilha de internacionalização

 

Fim do conteúdo da página